O Yin-Yang e os 8 Trigramas

Yin e Yang são conceitos presentes na tradição filosófica e religiosa da China que expõem a dualidade de tudo que existe no universo. Descrevem as duas forças fundamentais opostas e complementares que se encontram em todas as coisas: o Yin (preto) é o princípio feminino, a água, a passividade, escuridão e absorção. O yang (branco) é o princípio masculino, o fogo, a luz e atividade.

trigramas

Os Trigramas (卦) são desenhos que correspondem às 8 possibilidades de combinação de Yin Yang em três linhas. As linhas inteiras,  , simbolizam as qualidades do chamado princípio yang, ou seja, o ativo, o positivo, o céu, o homem, o luminoso, o quente, o firme. As linhas interrompidas,  , simbolizam o princípio yin, cujos atributos são: receptivo, negativo, terra, mulher, sombrio, frio, maleável.

111111111

Anúncios

Nomenclatura das principais técnicas de mão do Wing Chun- Parte 1

Como dito em postagem anterior, independente do local onde se pratica uma determinada arte marcial, é comum o uso de nomenclaturas na língua mãe dessa arte. A seguir, serão apresentados os  termos referentes às principais técnicas de mão do Wing Chun, começando pelos nomes das posições dos membros.

BONG SAU (bong sau- 膀手) 

A definição mais comum é “braço em asa”. Consiste numa forma de bloqueio

FOOK SAU (fuk sau- 伏手) 

Mão controladora. Técnica comumente usada para conduzir (controlar) os braços do adversário após ganhar contato com os mesmos.

MAN SAU (man sau- 问手) Traduzida por alguns como “buscando as mãos” ou, ainda, mãos inquisitivas. Esta técnica permite que você desvie de um ataque de seu adversário feito com a mão levantada acima da altura do ombro. Ela é frequentemente combinada com um golpe do cotovelo na cabeça ou nas costas, uma vez que o braço do adversário foi desviado

WU SAU (wu sau- 护手) Mão de guarda. Wu Sau não é um ataque, mas parte da guarda de Wing Chun.

TAN SAU (tan sau- 摊手)  ou mão dispersora  é um essencial , comum e eficaz bloqueio, amplamente utilizado na primeira forma do Wing Chun e na fase de treino com o Mudjong

KAU SAU (kau sau- 扣手)  Mão detentora . Esta técnica é encontrada na terceira forma, Biu Gee, e na fase de treino com o Mudjong. Muitas escolas não consideram esta como sendo uma técnica, mas uma variação de outra, chamada Huen Sau, ou mão circular, usada para alterar a posição, enquanto ainda controla os braços do adversário.

Títulos da linhagem Familiar no Wing Chun

historywingchun(1)

Tradicionalmente, em qualquer parte do mundo , é comum nas artes marciais o uso de nomenclaturas na língua mãe dessa arte.  No Wing Chun, por ser um estilo desenvolvido na região sul da China, os termos que nomeiam as formas, conceitos, tratamentos e ferramentas são apresentados em cantonês. Alguns desses termos também são usados no Jeet Kune Do (às vezes com significados diferentes).

A seguir, serão apresentados os principais termos referentes à  forma de tratamento na hierarquia usada pelos membros de uma família tradicional de Wing Chun.

SIDAI (si dai – )

Designa os praticantes mais novos (irmãos) na hierarquia da família. Aqueles que têm menos experiência que você.

SIMUI ( si mui –)

Designa as praticantes mais novas (irmãs) na hierarquia da família. Aquelas que têm menos experiência que você.

SIHING (si hing –)

Designa o irmão mais velho. Aquele que tem mais experiência e tempo de treino que você.

SIJE ( si je –)

Designa a irmã mais velha. Aquela que tem mais experiência e tempo de treino que você.

SIFU (si fu –)

Designa o Mestre. É aquele que possui experiência e irá passar os ensinamentos dentro da família (pai).

SISUK ( si suk –)

É o irmão mais novo (Sidai) do Sifu

SIBAK (si baak –)

É o irmão mais velho (Sihing) do Sifu

SIGUNG ( si gung –)

Designa o Mestre do Sifu, a pessoa que transformou outra em mestre, quem deu os valores morais, marciais e éticos para que seu professor se tornasse Sifu

SITAIGUNG (si taai gung –师太)

É o Grão- mestre (bisavô ou mestre do mestre do Sifu)

SIJO (si jou –)

Designa o Mestre do Sitaigung

Breve origem do Wing Chun

IMG_8146106896867

Os relatos mais antigos a respeito do Wing Chun apontam para o período da Ópera do Barco Vermelho, que consistia num grupo andarilho que cantava ópera e que percorreu a China no final do século 19 e início do século 20.

A lenda comum, como contada pelo Mestre Yip Man envolve a jovem Yim Wing- chun , durante o período após a destruição pelo governo Qing dos templos Shaolins do Sul e seus associados.

Após ter rejeitado proposta de casamento do senhor da guerra local, Yim Wing- Chun disse que ela iria reconsiderar a proposta se ele pudesse vencê-la em uma luta. Ela então conheceu uma monja budista chamada Ng Mui , que foi uma das sobreviventes dos templos Shaolin, e perguntou se a mesma poderia ensiná-la a lutar. Segundo a lenda Ng Mui ensinou Yim Wing- Chun um novo sistema de arte marcial que havia sido inspirado por observações da monja de um confronto entre uma cobra e uma garça. Este estilo, em seguida, ainda sem nome – permitiu que Yim Wing- Chun vencesse o senhor da guerra em uma luta um-contra- um. Yim Wing- Chun depois se casou com Leung Bac- Chou e ensinou-lhe o estilo, que mais tarde recebeu o nome dela.

O que é Wing Chun?

kickpunch-hawkinscheung

O Wing Chun (Ving Tsun ou Wing Tsun) é um sistema de luta surgido no sul da China que se distingue pela economia de movimentos sendo um sistema de defesa pessoal realista. Simples e eficiente, descarta todo movimento acrobático. É uma arte marcial singular, desenvolvida para permitir que qualquer tipo de pessoa, independentemente de tamanho, força ou sexo, possa se defender de agressores maiores e mais fortes.

A principal diferença entre os estilos praticados atualmente está em seu conceito de defesa. Enquanto em outras artes marciais procura-se acima de tudo bloquear o ataque do agressor para depois contra-atacar, ou mesmo desviar este ataque para depois contra-atacar, o princípio básico do Wing Chun é o de utilizar esta força contra o próprio agressor, onde a defesa já funciona como ataque e vice-versa.

wing_chun1

Embora muitos mestres oficiais do Wing Chun espalhados por todo o mundo trabalhem para o crescimento deste estilo, sua grande popularidade no ocidente veio a partir de seu praticante mais famoso, Bruce Lee, discípulo de Yip Man, que o praticou e o valorizou, utilizando-o como base para o estilo de luta que ele viria a criar tempos depois, o Jeet Kune Do.