Decidindo estudar Wing Chun

Mesmo tendo surgido há quase 300 anos, o sistema Wing Chun, se comparado com outros estilos de lutas orientais, ainda é pouco conhecido ou praticado no ocidente. Muitas pessoas passam a conhecer o estilo através de filmes famosos (como “O Grande Mestre”) ou por conhecidos e, com isso, surge a admiração e interesse por essa arte marcial.

Sua eficiência e singularidade, que permitem que qualquer tipo de pessoa, independentemente de tamanho, força ou sexo, possa se defender de agressores maiores e mais fortes, têm atraído cada vez mais pessoas à prática do Wing Chun. Para ser totalmente dominado, esse sistema de kung fu complexo requer anos de estudos. No entanto, seus princípios, teorias e técnicas básicas podem ser facilmente aprendidos.

Para aqueles que têm interesse em começar a estudar o Wing Chun, seguem abaixo algumas dicas

  • A escolha da academia

1academia

A escolha da academia onde se vai treinar é um passo muito importante. Procure na internet por alguma associação da arte marcial, pois geralmente irá encontrar uma relação com os dados das academias mais próximas. Você ainda pode pesquisar nas redes sociais por informações sobre academias em sua cidade.

Ao encontrar as academias que oferecem cursos de wing chun, procure fazer uma aula experimental naquelas que lhe tenha mais atraído (geralmente, quase todas oferecem uma aula grátis para que o possível aluno conheça o estilo, o professor e o ambiente de treino).

Tente conversar com os Sifus (mestre professor) e pergunte um pouco sobre suas histórias, buscando saber suas linhagens e o tempo de experiência que os mesmos possuem.

Observe como os Sifus conduzem as aulas e como os outros estudantes se comportam. Em seguida, avalie cada ambiente e professor, decidindo pela academia que mais lhe transmitiu seriedade e confiança.

  • Cursos Online

Para aqueles que moram em cidades onde não existem escolas de wing chun, ou simplesmente para quem não possui tempo em sua agenda para treinos regulares em academias, uma solução consiste nos cursos online. Muitos sites oferecem cursos (pagos) divididos em níveis, de acordo com as formas do wing chun. Ao se inscrever, o aluno passa a ter acesso a instruções e vídeos referentes a cada nível isolado. Após ser aprovado em avaliação (através de vídeos), o conteúdo do próximo nível é liberado.Geralmente oferecem suporte via webcam e outras ferramentas de comunicação através de vídeo.

  • Um espaço para praticar

Para dominar os movimentos e técnicas do wing chun, é essencial continuar praticando fora da academia os exercícios vistos na aula. Para isso, procure por um lugar que tenha espaço suficiente para que você possa se mover livremente em todas as direções. O ideal seria ter um espelho grande no ambiente, para que você possa ver e analisar seus movimentos, para que assim, consiga identificar os erros e fazer as devidas correções.

  •  Consiga um parceiro para treinar com você

1011419_729278560438380_2130433158_n

Aprender todos os movimentos sozinho é um processo difícil e demorado. Eventualmente, você terá a necessidade de aprender como seus movimentos se conectam com um oponente. Ter um parceiro de treino vai ajudar a reagir aos movimentos de outra pessoa. O parceiro também pode encorajar você e lhe dar feedback sobre sua forma e movimentos.

(adaptado de “How to Learn Wing Chun”, disponível em http://www.wikihow.com/Learn-Wing-Chun)

Anúncios

7 comentários sobre “Decidindo estudar Wing Chun

  1. arllingtoncosta 8 de junho de 2015 / 16:33

    Gostei do novo formato da página. Ainda não tinha visto. Ficou bacana! 😉

    Curtido por 1 pessoa

  2. nilamil 8 de junho de 2015 / 16:37

    Segui a dica de um blogueiro que entrou em contato comigo. Ele sugeriu um tema que mostrasse apenas um resumo das postagens, pois geralmente ao passar os olhos, o leitor decide se realmente quer ler a postagem ou não. Além disso, também fica mais organizado na página inicial, pois dá pra correr por várias postagens logo no início.

    Curtir

  3. eusouorei 7 de maio de 2017 / 14:04

    Eu estou procurando estudar wing chun eu sou MUITO MUITO MUITO FÁ DO Mestre Ip Man meu deus só vejo as fotos é as hístoriaass aiii MEU DEUUUS

    Curtir

  4. Clayton 12 de novembro de 2017 / 22:37

    Eu to muito gordo. Peso 126 kg e tenho 1,80m. Estou prestes a começar a fazer muay thai porque dizem que emagrece, mas minha paixão mesmo é Wing Chun. Eu estava assistindo uma aula em uma academia na minha cidade e tava vendo os caras darem aqueles chutes altos e eu fiquei pensando se eu conseguiria fazer aquilo. Será que uma pessoa obesa pode treinar Wing Chun e perder peso? Ou é melhor eu continuar no muay thai mesmo?

    Curtir

    • nilamil 14 de novembro de 2017 / 11:12

      Clayton, acredito que dá sim para praticar, tendo em vista que o Wing Chun não possui movimentos acrobáticos como outros estilos de Kung-fu. Quanto ao fato de perder peso, não sei responder qual das duas artes marciais é mais eficiente.

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s